diástase abdominal dra ana sousa

Diástase Abdominal no Pós-Parto, como tratar.

Ainda parece grávida após o parto? Já passaram meses desde o parto e a barriga teima em não desaparecer? A diástase abdominal no pós-parto é uma das maiores preocupações estéticas das recém mamãs e com o passar do tempo este desconforto estético vai ganhando importância.

diástase abdominal dra ana sousa

E o que é a diástase abdominal?

emsculpt diástase abdominal 5 sessoes pos parto antes

A diástase abdominal é definida pelo afastamento do músculo reto abdominal, devido a pressão intra-abdominal excessiva, seja por ganho considerável de peso ou gestação.
É normal durante a gravidez a musculatura se afastar para acomodar o bebé e essa condição pode permanecer até 6 meses após o parto, altura em que o útero já deverá ter retornado ao seu tamanho original.

Como posso saber se tenho diástase?

Há alguns sinais e sintomas que podem ser percebidos.

A nível estético, geralmente, um abdómen com diástase pós-gestacional tem aspeto de inchado, como se a mulher ainda estivesse “grávida”.

A nível físico, as mulheres podem apresentar dores na coluna lombar, incontinência urinária e/ou obstipação.

Se suspeitar que apresenta diástase, deve consultar um profissional de saúde para determinar o grau de afastamento bem como o melhor tratamento. O tratamento da diástase irá depender do grau de afastamento da sua musculatura abdominal, sendo que casos leves a moderados de diástase abdominal é possível minimizar ou até mesmo reverter com fisioterapia. Os casos severos será difícil reverter com o tratamento convencional, sendo que até há pouco tempo a única solução seria recorrer a intervenção cirúrgica com a plicatura muscular.

Mais recentemente, com a evolução da tecnologia de tratamento corporal, surgiram tratamentos não invasivos como o EMSCULPT que resolvem casos moderados de Diástase Abdominal, evitando assim recorrer a cirurgias invasivas com recuperações lentas e por vezes dolorosas.

O EMSCULPT. Desenvolvido pela BTL, foi o primeiro equipamento a desenvolver a tecnologia de campo eletromagnético com energia em TESLA na área da medicina estética, tendo sido amplamente estudado antes de entrar no mercado. Existem vários estudos que comprovam a sua eficácia e segurança, tendo sido aprovado pelos órgãos reguladores dos Estados Unidos (FDA), Europa (EMEA) e Brasil (ANVISA).

O EMSCULPT é um tratamento não invasivo e indolor que consiste na utilização de eletromagnetismo focado de alta intensidade (HIFEM). É um procedimento de remodelamento corporal que constrói músculo através de contrações musculares supramáximas que não são capazes de ser reproduzidas por ação muscular voluntária, provocando assim hipertrofia muscular.

Como funciona o EMSCULPT para combater a diástase abdominal?

O EMSCULPT produz contrações supramáximas – 20mil contrações em 30 minutos – que não somos capazes de reproduzir de forma voluntária nos nossos treinos habituais. 

Além disso, gera uma rápida reação metabólica nas células de gordura, que se tornam disfuncionais e iniciam o seu processo de morte programada, apresentando assim também benefícios na redução de gordura localizada.

Este tratamento está indicado para casos de diástase abdominal pós-parto, como também para quem pretenda tonificar o abdómen, glúteos, coxas, pernas e braços. Ademais, o ganho funcional é de extrema importância, tendo em conta a função da musculatura na postura, equilíbrio e força.

Quando tempo após o parto posso fazer EMSCULPT?

Pode ser iniciado às 8 semanas pós-parto, com alta médica, de modo a recuperar a sua forma o mais rápido possível. Além disso, podem ser combinados outros tratamentos, nomeadamente a Exilis, para estimular colagénio e ajudar na flacidez abdominal pós-parto.

emsculpt 5 sessoes pos parto antes
emsculpt diástase abdominal  5 sessoes pos parto depois
EMSCULPT diástase abdominal 5 sessões pós-parto.
diástase abdominal emsculpt antes
diástase abdominal emsculpt depois
EMSCULPT diástase abdominal 5 sessões pós-parto.

Recuperação imediata e indolor

Com o EMSCULPT não existem períodos de recuperação pós tratamento pois este é um tratamento corporal não invasivo.

Resultados em poucas sessões

Quanto ao número de sessões necessárias, dependerá sempre do objetivo e do grau de separação muscular da diástase abdominal, bem como da sua resposta individual ao tratamento, sendo que são expectáveis 6 a 8 sessões com intervalo mínimo de 48h. Habitualmente 2 a 3 sessões por semana.

Saiba mais sobre a medicina estética no pós-parto.

Envie-nos uma mensagem e vamos falar sobre o que melhor se adapta às suas necessidades.

dra ana sousa

Clínica Dra. Ana Sousa

Agende hoje a sua consulta, comece já a tratar de si.

Rua Guilherme Duarte Camarinha, 30
4400-703 Vila Nova de Gaia

+351 966 790 271

+351 224 937 985

Envie-nos uma mensagem

Ver no mapa: Clínica Dra. Ana Sousa.


Deixe uma resposta

Your email address will not be published.Required fields are marked *

Fale Connosco
close slider
AGENDAR CONSULTA